Quais vacinas devo tomar para viajar pelo mundo

Viajar pelo mundo é o sonho de muita gente, mas antes de realizar um feito destes, é importante tomar algumas precauções. Pensando nisso, resolvemos criar este artigo sobre quais vacinas tomar para viajar pelo mundo.

Nas linhas abaixo, você irá descobrir quais vacinas você deve tomar para garantir sua saúde em cada região do globo terrestre. Acompanhe:

Quais vacinas tomar antes de viajar

A grande parte das doenças acabam se espalhando para o mundo todo, entretanto, algumas estão muito mais presentes em certos lugares. Seja por falta de estrutura do próprio local ou pelo clima da região.

Por isso, cada região do mundo exige uma série de vacinas diferentes, a fim de evitar o contágio e a disseminação do vírus naquela localidade. Abaixo, você pode ver uma lista com cada uma das regiões do globo terrestre, bem como as vacinas obrigatórias:

  • Região sul da Europa: Hepatite A, Hepatite B, Tétano, Difteria, Febre Tifoide, Poliomielite, Infecções Meningocócicas, Raiva, Encefalite.
  • Região norte da Europa: Hepatite B, Tétano, Difteria, Encefalite.
  • Zona subtropical da América do Sul: Tétano, Difteria, Hepatite A, Hepatite B, Febre Tifoide.
  • Zona Tropical da América do Sul: Febre Amarela, Hepatite A, Hepatite B, Tétano, Difteria, Febre Tifoide, Infecções Meningocócicas.
  • América Central: Tétano, Difteria, Hepatite A, Hepatite B, Febre Tifoide.
  • América do Norte: Tétano, Difteria, Hepatite B.
  • Região norte da África: Tétano, Difteria, Hepatite A, Hepatite B, Poliomielite, Raiva, Febre Tifoide.
  • Região sul da África: Tétano, Difteria, Febre Tifoide, Poliomielite, Hepatite A, Hepatite B.
  • Região Subsaariana: Tétano, Difteria, Febre Amarela, Hepatite A, Hepatite B, Poliomielite, Raiva, Febre Tifoide.
  • Região Sudeste da Ásia: Hepatite A, Hepatite B, Tétano, Difteria, Febre Tifoide, Poliomielite, Infecções Meningocócicas, Raiva.
  • Região Sudoeste da Ásia: Hepatite A, Hepatite B, Tétano, Difteria, Poliomielite, Febre Tifoide, Raiva, Infecções Meningocócicas.
  • Região centro sul da Ásia: Hepatite A, Hepatite B, Tétano, Difteria, Poliomielite, Raiva, Infecções Meningocócicas, Febre Tifoide.

O que são essas doenças?

Como você pode ver, são muitas doenças e muitas vacinas. Mas, você sabe qual é o verdadeiro risco destas doenças para o seu organismo? Abaixo você confere uma lista com os sintomas destas doenças e como elas são transmitidas.

Hepatite A

Sonolência, fraqueza, problemas gastrointestinais, dores de cabeça, falta de apetite e pode ser transmitida através do contato com pessoas doentes ou produtos infeccionados com o vírus.

Hepatite B

Dores no abdômen, olhos amarelados e urina escurecida. Em alguns casos, pode não existir nenhum sintoma aparente. Em geral, a hepatite B é contraída através do contato sexual e do contato de sangue com sangue.

Febre Amarela

Dores de cabeça, vômitos em excesso e náusea são sintomas da Febre Amarela. Esta doença, na maioria das vezes, mata seu hospedeiro e é transmitida pela picada de mosquitos comuns em algumas partes do globo.

Tétano e Difteria

Dores de garganta, dificuldade de engolir, febre alta e vômitos são sintomas destas doenças, que são contraídas através de uma infecção causada em ferimentos.

Febre Tifoide

A febre tifoide não causa tantos sintomas, por isso a vacinação é imprescindível. São sintomas, apenas, dores moderadas no abdômen e nos músculos. Em geral, a febre tifoide é contraída com o consumo de alimentos e água contaminada com o vírus.

Infecções Meningocócicas

Os principais sintomas das infecções meningocócicas são as erupções cutâneas, rigidez na região do pescoço (semelhante ao torcicolo) e fortes dores de cabeça. A doença é contraída através do contato com as secreções respiratórias de um hospedeiro.

Poliomielite

Torcicolo, fortes dores de cabeça, vômitos constantes, fadiga extrema e febre são sintomas da poliomielite. Esta doença, geralmente, é contraída através da ingestão de água e alimentos contaminados.

E aí, gostou do artigo? Então compartilhe com seus amigos no Facebook para que eles se protejam antes de viajar por aí e, claro, deixe sua opinião nos comentários abaixo!

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *